Programa Oeste em Desenvolvimento e Emater movimentam piscicultura paranaense

O Programa Oeste em Desenvolvimento, através da Câmara Técnica do Peixe, está realizando uma série de ações para impulsionar a piscicultura no oeste do Paraná. Após levantar as potencialidades e diagnosticar os entraves existentes no setor, estão sendo desenvolvidas diversas capacitações visando atender com qualidade a crescente demanda.

 

Para se ter uma ideia, o oeste é o maior polo de criação de peixes no Estado, representando 69% de toda a produção. Segundo dados do Departamento de Economia Rural (Deral), a localidade é responsável pela produção de 55,5 mil toneladas de peixe por ano, sendo que 96% são de tilápia.

 

Uma das iniciativas mais recentes foi o apoio na realização de uma capacitação, promovida pelo Instituto Paranaense de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater), com objetivo de ampliar a assistência técnica aos piscicultores.  Participaram da formação técnicos de 15 municípios da região.

 

De acordo com o médico veterinário do Emater, Gelson Hein, os treinamentos já vêm acontecendo há algum tempo e terão continuidade de forma cada vez mais ampla. Anteriormente, foram abordados temas como uso de equipamentos, qualidade da água, estrutura e preparação de viveiros e ambiência para os peixes em viveiros de terra.

 

O próximo ciclo de capacitações irá contemplar o planejamento da atividade – com todas as etapas necessárias; manejo dos peixes e comercialização. Além das formações, os técnicos e produtores contam ainda com o Manual Básico de Piscicultura, resultado de uma parceria entre Itaipu Binacional, POD, Emater e a Fundação Parque Tecnológico Itaipu.

 

O coordenador da Câmara do Peixe, Maurício Kosinski, destaca que estão em fase de implementação unidades de demonstração que poderão ser visitadas por produtores. O objetivo é permitir a visualização das boas práticas de produção e tecnologias disponíveis no setor. “É fundamental que os envolvidos na atividade estejam qualificados de forma que obtenham os melhores resultados econômicos de forma sustentável”, ressaltou Kosinski.

 

O Programa Oeste em Desenvolvimento é uma ação de Governança Regional que busca promover o desenvolvimento econômico da região por meio de um processo participativo. A iniciativa é composta por mais de  40 instituições da região, entre elas a Fundação Parque Tecnológico Itaipu e a Itaipu Binacional.

 

Confira na Web Rádio Água a entrevista completa com o coordenador da Câmara do Peixe, Maurício Kosinski e o  médico veterinário do Emater, Gelson Hein:

 

http://www2.webradioagua.org/index.php?option=com_k2&view=item&id=363%3Arefugio-biologico-bebe-onca-e-solta-em-recinto-aberto-pela-primeira-vez&Itemid=333